MANIFESTO DA DIRECÇÃO: Este blogue “www.sortesdegaiola.blogspot.com”, tem como objectivo primordial só noticiar, criticar ou elogiar, as situações que mais se distingam em corridas, ou os factos verdadeiramente importantes que digam respeito ao mundo dos toiros e do toureio, dos cavalos e da equitação, com total e absoluta liberdade de imprensa dos nossos amigos cronistas colaboradores.

quarta-feira, 23 de Julho de 2014

Á conversa cóm DIEGO VENTURA...


Ventura de coração aberto antes do Campo Pequeno




SG - Já viu serem corridos toiros da Ganadaria Cunhal Patricio

Ventura - Vi duas corridas e gostei. Só desejo que amanhã os toiros saiam como saíram na época passada em Montemor o Novo, o que seria óptimo para mim, para os meus companheiros, para os forcados e para o público.


SG - Esta temporada  tem toureado menos MURUBES...


Ventura - É verdade. Efectivamente este ano toureei já toiros Pereda, Cuvillo, S. Pedro, Fuente Imbro, etc,  com os quais  obtive tantos ou mais êxitos que nos passados anos...


SG - Pensa tourear mais esta temporada em Portugal ?


Diego Ventura - Não.  Cumpro aquilo a que me propus, estas duas corridas mais, até porque tenho que me preparar para a campanha que vou fazer à América.


SG - Renovou a quadra este ano? Está contente com os cavalos novos?


Diego Ventura- Sim tive de a renovar, em função da morte do Pégaso e outros dois cavalos, mas apresentei Sueño, que é neto do Néptuno, PuertaGrande, irmão do Morante, o Zeus filho do Morante e mais dois.


SG- Vimos aqui em sua casa, varios alunos seus. Quantos já teve?


Diego Ventura- Comecei com o Francisco (Palha) e Noélia Mota, depois surgiu o Andrés Romero e o Manolo Moreno entretanto surgiu o colombiano Jorge Piraquibe, e pouco depois o venezuelano Luis Augusto Rodriguez e mais recentemente o David (Gomes) e a Mara Pimenta.


SG- Pensa que pode existir a tendência nos seus alunos em imitá-lo?


Diego Ventura- Sei que o dizem, mas imitar não. O que acontece, é que de tanto trabalhar-mos juntos é natural que alguns ''tiques'' possam ser adquiridos por eles. Mas mais do que imitar eles acabam sim por seguir uma escola o que é diferente de uma imitação.


SG- Quer deixar alguma mensagem aos aficionados que amanha irão ao Campo Pequeno?


Diego Ventura - QUERO!!! QUERO DIZER QUE ESPERO QUE A CORRIDA SIRVA, PORQUE SE SERVIR NÃO VÃO SAIR DEFRAUDADOS DE CERTEZA. PORQUE A MINHA ENTREGA, ESSA É CERTA.


Povoa do Varzim - o presente e o futuro da festa...


Hoje vamos conversar com Diego Ventura...

Forcados - Campo Pequeno


Dois grupos dos mais prestigiados do panorama taurino, pegarão a corrida.

Garantia de êxito...



terça-feira, 22 de Julho de 2014

Na Póvoa é que vai ser bom..



Angel Peralta - Toda uma figura...

Há homens que deviam viver para sempre


D. Angel Peralta Pineda foi a pessoa que mais me marcou na minha vida, pela sua matriz de aficionado, de apaixonado do cavalo, de filosofo, de escritor, de rejoneador e de taurino. O seu conceito de amizade é prenho de nobreza, e foi nessa amizade que nos une, alicerçada em centenas de milhares de Kilometros feitos por Espanha, França e Portugal, que me senti  além do "BOJADOR" da vida.

Telefonou-me para que nos encontrasse-mos nas Caldas no passado sabado, para assistir juntos á apresentação da sua aluna em Portugal. 
Durante horas apercebi-me de que com 90 anos não pára de ter projectos e preocupações. Ele é livros, ele é o melhoramento da sua coudelaria e da sua ganadaria brava, ele é a evolução técnica da agricultura, ele é a politíca da Europa e do mundo, ele é a arte comtemporânea, e de tudo fala com propriedade como quando o conheci há já quase quarenta anos
 O seu pensamento não pára e agora que aderiu completamente á internet com um desses aparelhos modernos que está sempre ligado, passeia pelo mundo em velocidade vertiginosa.

A sensibilidade mantém-se e recordo que quando a Ana Batista estava a tourear montada no RONCAl, disse-lhe eu : Se todavia toureasses, este era um cavalo que faria os teus encantos". Então respondeu-me sem amargura nem saudosismos: "Estava mesmo a pensar nisso".

A vida, na sua opinião só faz sentido com verdadeiras amizades. esse tipo de amizade que não raras vezes nos pode levar a ser quase inimigo de quem sómente se gosta.
Para se ser verdadeiramente amigo, tem que se passar por intolerante quando se fala dos valores do nosso amigo, ou até mesmo faccioso poque a amizade vale mais que a razão
Quanto maior é a amizade, maior é a dor de uma traição de alguém que no fundo nunca passou da espectacularidade do ser só e apenas amigalhaço ou nem isso.
Estar-mos tão afastados geográficamente hoje em dia, dá-nos o prazer de desfrutar com mais força de encontos esporádicos.

Para mim, um bom amigo como Angel Peralta vale mais que tudo, quanto mais não seja, pelo que com ele aprendo, sempre que nos encontramos. 

D. Angel Peralta é toda uma figura...

Ventura com Rouxinol e Filipe Gonçalves...


Três toureiros para triunfar, sem servilismos á procura do êxito...

 




Parolos - ANTIS EM OLIVEIRA DO BAIRRO...


Antes burgesso que parolo...



O Parolo é um recalcado com a mania que é detentor da verdade e que pensa como um ditador.
Para o parolo tudo o que ele sabe que não pode conseguir é mau e devia ser proibido. Intelectualmente não existem os poucos livros que leram fizeram-o a atravessar. Leram a "GUERRA E PAZ" e a única coisa que lhes ficou, e que o livro falava de qualquer merda da Rússia. Quanto ao resto, vivem obcecados por sujeitar os outros ás suas vontades, não tendo nunca em conta a democracia desde que a vontade da maioria os contrarie. O parolo tem sempre o ar contrafeito de quem tem um furunculo na virilha, e o ar infeliz de quem lhe morreu na mesma semana o pai  e a mãe, ou até mesmo o ar revoltado do ateu a quem morreu um filho na flor da idade facto para o qual não encontra explicação, ou o ar de ódio á vida  ao mundo e á humanidade, do gajo a quem a mulher põs os cornos. 

O burgesso é puro ( todas as pessoas descomplexadas têm um pouco de Burgesso como diz o MEC...). Se tem mau gosto goza consigo próprio e não tem complexos com isso, e no estado primário ( neardental puro), quando tem gazes peida-se naturalmente sem risinhos nem alardes, porque é feliz ...
Todos tivemos origem no Burgesso típico e enquanto crianças comportamo-nos como tal, só depois perante a sociedade é que fazemos as nossas opções. Os que continuam a linha burgessan nunca querem dar um passo maior que a perna, respeitam os outros e ewstão de bem com a vida, enquanto que aqueles que alinham na parolice, criam antipatias, acumulam recalques e nunca estão bem com a vida.

A grande diferença entre o burgesso e o parolo, é o Burgesso evoluir naturalmente para formas civilizadas, enquanto o parolo enquista nas suas amarguras..

Os Antitaurinos são acima de tudo PAROLOS provocadores.
Em Oliveira do Bairro estavam 15 manifestantes que não perceberam, como nunca percebem, que nada representam, já que a praça tinha 2.000 pessoas e esta disparidade personifica a percentagem diminuta que representam ao nivel nacional.

Duante a corrida emitiram sons de sirenes, numa total falta de respeito para com crianças e idosos, que sensiveis a esses sons estariam em stress. Nós sabemos que as crianças para essa gente têm pouco valor se tivermos em linha de conta o caso dos cabecilhas animalistas brasileiros condenados por pedofilia, da mesma maneira que se atendemos ao exemplode do comportamento da antitaurina Ana Saltão para quem o ministério público pede pena máximo por ter assassinado a avó do marido com onze tiros, atitude que não foi condenada por essa gente que se manifesta contra as touradas, tal como não condenaram a atitude da presidente de uma organização animalista Inglesa que se suicidou arrastando consigo para a morte os seus 26 cães.

Em Vagos não apareceram, em Estarreja eram 14, em O. do Bairro 14, e é esta a sua representatividade ao nivel Naciona, fazem uso da sua liberdade, fazendo tudo para privar os outros da sua liberdade cultural.

segunda-feira, 21 de Julho de 2014

Ventura no Campo Pequeno...

VENTURA NO CAMPO PEQUENO...

Ventura em Portugal já toureou toiros das ganadarias Murteira Grave, Cabral Ascensão, Brito Paes e Conde Cabral.
Ao contrário de outros não se limitou aos Murubes e vem desta vez enfrentar toiros de Cunhal Patricio.

Para quem já se encerrou com 6 toiros sendo um deles MIURA e outro PARTIDO RESINA, nada admira...

Pedrito- Sabado reaparece em Setubal..



Ventura -Triunfo em santander antes de vir a LISBOA...

Em SANTANDER, Ventura por cima de tudo e todos



Diego VENTURA - Ovação no 1º toiro e duas orelhas no segundo -  saída em Ombros...

Pablo H. MENDONZA - sillenciado nos dois toiros..

R. ALMENDARIZ - Silêncio e ovação


Crónica de O. Bairro - Bastinhas, hoje amanhã e sempre...






BASTINHAS é igual em Oliveira do Bairro ou no Campo Pequeno - Aqui reside a sua longevidade...

Joaquim Bastinhas, 30 Anos de Alternativa, 30 Corridas



 Uma corrida agradável para qual contribuiram os toiros de "SANTOS SILVA" ( nada tiveram que ver com os saídos em épocas anteriores) que filhos de outro semental, cumpriram com grande destaque para o sexto ( um bom toiro em qualquer parte), levando a chamada do ganadero á praça.

JOAQUIM BASTINHAS

Igual a si mesmo, entrega total e uma constante comunicação com o público num lidar de maestria . No segundo toiro teve o seu maior êxito, sobretudo com o cavalo de bandarillas que ostenta o seu ferro, que lhe permite um toureio de grande seriedade.

SÓNIA MATIAS

Boas actuações, marcadas por bons curtos e violinos em que é eximia.

BRITO PAES

Porque não toureia mais e em praças mais importantes este cavaleiro ? Esta é a pergunta que fiz a mim mesmo depois de o ver em O. do Bairo. Está num bom momento excepcionalmente bem montado...

FORCADOS

Pegas duras para forcados valentes de Cascais e Coimbra. Destaque para as pegas do cabo do GRP de Coimbra ( Luís Santos) ew para a última do grupo de Cascais...

  

Crónica das Caldas - Lea VICENS não defraudou...

A expectativa era enorme para ver Lea Vicens - Ninguém saiu defraudado...



Os artistas em praça deram um bom espectáculo e tiveram que tourear...

Com mais de meia casa num dia em por vezes choveu (até durante a corrida ), contráriamente ás previsões metereológicas para a tarde e noite, assistiu-se a uma corrida com vários motivos de interesse.

Os toiros "Pinto Barreiros" e "S. Torcato" cumpriram, com excepção do 1º e 2º que se adiantavam...

ANA BATISTA

Demonstrou estar, quiçá, no melhor momento da sua carreira. O primeiro que toureou foi o pior da corrida, atravessava-se uma barbaridade, pois nem por isso perdeu os papeis, fazendo uso do toureio encimista que caracteriza esta fase da sua vida artística.
No segundo toiro deu a dimensão do que neste momento vale, parou bem, citou deixando-se ver e rematou as ortes como mandam as regras....
A quadra de cavalos de que dispõe é invejável e o arranjo das montadas é perfeito. Para o meu gosto destaco o cavalo RONCAL, pela qualidade anatómica, pelos andamentos, pela disponibilidade física e pelo sentido toureiro..

LEA VICENS

Só surpreendeu quem não a conhecia. Eu conheção desde que começou a montar em casa dos irmãos Peralta, ainda londe de vir a tourear.
Está bem a cavalo, sabe tourear e tem a noção do espectáculo.
No primeiro toiro, o toiro da sua paresentação, abdicou dos bandarilheiros para o receber, mostrando o quanto vinha determinada, e mesmo com o toiro a atravessar-se, teve bons ferros que entusiarmaram o público.
No seu 2º toiro, um bom toiro diga-se de passagem, deu então verdadeira dimensão do que sabe e é capaz.
Muito bem nos compridos , e nas bandarilhas destaque para os quiebros perfeitos e emocionantes, para dois feros com um cavalo de ferro "Alves Inácio" de classe invulgar, e para o cavalo com que rematou a lide que apresentou uma "Pousada" brilhante e duradoura.
Um êxito que a levará certamente a ser repetida noutras praças...

JOÂO SALGUEIRO DA COSTA

No 1º toiro que lhe tocou teve 2 compridos extraordinários, nos curtos o toiro ficou dimínuído vindo a ser Recolhido sem terminar de ser lidado e sem ser pegado.
No segundo, esteve ao seu melhor nive ( são seus os melhores ferros da corrida), e nem o último ferro menos coseguido ( a eterna história de todos os toureiros, do mais  um...), sombreou uma boa actuação.
A Aficion espera por João Sagueiro da Costa...

FORCADOS

Boas prestações dos Grupos das Calda e Vila Franca, com destaque para a Pega do mais novo dos irmãos FARIA do GRP de V. FRANCA...